Temporada 2018 do Theatro São Pedro

Criada de forma colaborativa, com participação dos músicos da Orquestra do Theatro São Pedro na definição de programas e convidados, a Temporada 2018 do Theatro São Pedro tem como objetivo aproximar público e artistas, transformando o São Pedro no #NossoTheatro.

Uma surpresa da temporada é a entrada gratuita nos concertos de abertura, nos dias 3 e 4 de março*! E uma das novidades é a programação de ensaios abertos, realizados sempre nas vésperas de estreias de óperas e de concertos sinfônicos, às 11h, com entrada gratuita. Confira abaixo os destaques da programação lírica e sinfônica e se programe!

 

Temporada Lírica
A série lírica terá quatro montagens originais, cada uma com cinco récitas. Como no ano passado, a programação apresenta uma diversidade de títulos em sintonia com a vocação operística da casa, que é de montar títulos raros e queridos pelo público. Além de regentes de primeira linha, as produções terão elencos formados por jovens talentos da música, e diretores cênicos conhecidos pela ousadia e criatividade.

O Matrimônio Secreto (1792), de Domenico Cimarosa (1749-1801), abre a temporada no mês de maio. Com direção cênica de Caetano Vilela e direção musical da italiana Valentina Peleggi, a montagem conta com um elenco formado por Caroline de Comi, Jean William, Joyce Martins, Ana Lucia Benedetti, Pepes do Valle e Michel de Souza. O estilista Fause Haten assina os figurinos, e Duda Arruk é quem faz a cenografia.

Alcina (1735), de Georg Friedrich Händel (1685-1759), é o segundo título da programação, e é apresentada em junho e julho. A direção cênica é de William Pereira, e o maestro Luis Otavio Santos, referência internacional em música antiga, é quem será o diretor musical. O elenco terá ainda outro grande nome da música historicamente informada, a soprano Marília Vargas, especialista em canto barroco, no papel-título. O quadro se completa com Thayana Roverso, Carolina Faria, Caio Duran, Norbert Steidl e David Feldman.

Kátia Kabanová (1921), de Leos Janácek (1854-1928), sobe ao palco do Theatro São Pedro em agosto, com direção cênica e concepção de figurinos de André Heller-Lopes, e direção musical do norte-americano Ira Levin. Será a estreia nacional da obra, nunca antes representada no Brasil. O renomado elenco será formado por Gabriella Pace, Cláudia Riccitelli, Savio Sperandio, Eric Herrero, Luisa Francesconi, Giovanni Tristacci, Juremir Vieira, Ana Meirelles, Fernanda Nagashima e Vinicius Atique. Renato Theobaldo é o responsável pela cenografia, e Fábio Retti é quem faz a iluminação.

Sonho de uma Noite de Verão (1960), de Benjamin Britten (1913-1976), encerra a temporada lírica do Theatro, em novembro, com direção cênica de Jorge Takla, e direção musical de Cláudio Cruz.

 

Temporada Sinfônica
Além das óperas, a Orquestra do Theatro São Pedro fará ainda mais 6 programas sinfônicos, cada um com duas récitas. A temporada segue a linha do ano anterior, com regentes e solistas convidados em repertórios variados que vão da ópera ao Lied, do período Clássico ao Contemporâneo, passando pelo Romantismo.

A abertura da temporada do Theatro São Pedro acontece nos dias 3 e 4, em apresentações com entrada gratuita*. Na ocasião a Orquestra do Theatro São Pedro recebe como regente convidado o inglês Neil Thomson, além dos cantores Luciana Bueno e Paulo Mandarino. O repertório tem peças de Weber, Prokofiev e Bizet.

Ainda em março, nos dias 24 e 25, é a vez do regente convidado Cláudio Cruz comandar a Orquestra com um time de solistas formado por Eliane Coelho, Fernando Portari e Lício Bruno. O repertório é totalmente dedicado ao compositor Antônio Carlos Gomes.

Em julho a Orquestra do Theatro São Pedro recebe como regente convidada a maestrina Ligia Amadio. Com Ana Lúcia Benedetti como solista convidada, a orquestra toca composições de Beethoven, Mahler e Schumann.

O programa seguinte acontece em setembro, quando a Orquestra recebe novamente a soprano Eliane Coelho como solista. Sob regência de Roberto Tibiriçá, ela protagoniza um repertório voltado aos dois grandes nomes da ópera romântica, Giuseppe Verdi e Richard Wagner.

Em outubro é a vez da Orquestra do Theatro São Pedro apresentar um programa dedicado à música contemporânea. Com Ricardo Bologna como regente convidado e a soprano Manuela Freua como solista, é interpretado um repertório com peças de Silvio Ferraz, Valéria Bonafé, Luciano Berio e Alberto Ginastera.

A série sinfônica se encerra em dezembro, com um dos maiores músicos do Brasil como solista. Sob regência de Ricardo Kanji, a Orquestra do Theatro São Pedro recebe o violoncelista Antonio Meneses, que estrela um programa composto pelos três Concertos para Violoncelo de Carl Philipp Emanuel Bach, e a Sinfonia em Ré Menor de Wilhelm Friedemann Bach.


Confira abaixo a lista completa das séries lírica e sinfônica da Temporada 2018 do Theatro São Pedro.

ÓPERAS

O Matrimônio Secreto, Domenico Cimarosa
Dias 4, 6, 9, 11 e 13 de maio
Valentina Peleggi, direção musical
Caetano Vilela, direção cênica
Elenco:Caroline De Comi,  Jean William, Joyce Martins, Ana Lucia Benedetti, Pepes do Valle e Michel de Souza

Alcina, Georg Friedrich Händel
Dias 22, 24, 27 e 29 de junho, e 1º de julho
Luis Otavio Santos, direção musical
William Pereira, direção cênica
Elenco: Marília Vargas, Thayana Roverso, Carolina Faria, Caio Duran, Norbert Steidl e David Feldman

Kátia Kabanová, Leos Janácek
Dias 17, 19, 22, 24 e 26 de agosto
Ira Levin, direção musical
André Heller-Lopes, direção cênica e concepção de figurinos
Elenco: Gabriella Pace, Cláudia Riccitelli, Savio Sperandio, Eric Herrero, Luisa Francesconi, Giovanni Tristacci, Juremir Vieira, Ana Meirelles, Fernanda Nagashima e Vinicius Atique

Sonho de uma Noite de Verão, Benjamin Britten
Dias 10, 12**, 14, 16 e 18 de novembro
Cláudio Cruz, direção musical
Jorge Takla, direção cênica
Elenco: a ser anunciado


CONCERTOS SINFÔNICOS

Dias 3 e 4 de março
Orquestra do Theatro São Pedro
Neil Thomson (Inglaterra), regente convidado
Luciana Bueno, mezzo-soprano
Paulo Mandarino, tenor
Repertório:
Abertura de O Franco-Atirador, de Carl Maria von Weber
Sinfonia nº 1, Clássica, de Sergei Prokofiev
Excertos de Carmen, de Georges Bizet
[ENTRADA GRATUITA ESPECIAL ABERTURA DA TEMPORADA]*

Dias 24 e 25 de março
Orquestra do Theatro São Pedro
Cláudio Cruz, regente convidado
Eliane Coelho, soprano
Fernando Portari, tenor
Lício Bruno, barítono
Repertório:
Especial Antônio Carlos Gomes – aberturas, árias e excertos de óperas

Dias 13 e 14 de julho
Orquestra do Theatro São Pedro
Ligia Amadio, regente convidada
Ana Lúcia Benedetti, mezzo-soprano
Repertório:
Abertura Coriolano, de Ludwig van Beethoven
Rückert-Lieder, de Gustav Mahler
Sinfonia nº 3, Renana, de Robert Schumann

Dias 15 e 16 de setembro
Orquestra do Theatro São Pedro
Roberto Tibiriçá, regente convidado
Eliane Coelho, soprano
Repertório:
Aberturas, árias e excertos de óperas de Giuseppe Verdi e Richard Wagner

Dias 13 e 14 de outubro
Orquestra do Theatro São Pedro
Ricardo Bologna, regente convidado
Manuela Freua, soprano
Repertório:
Tríptico da Passagem, de Silvio Ferraz
Folk Songs (versão para orquestra e voz), de Luciano Berio
A Menina que Virou Chuva, de Valéria Bonafé
Variações Concertantes, de Alberto Ginastera

Dias 15 e 16 de dezembro
Orquestra do Theatro São Pedro
Ricardo Kanji, regente convidado
Antonio Meneses, violoncelo
Repertório:
Sinfonia em Ré Menor, de Wilhelm Friedemann Bach
Concerto para Violoncelo em Lá Menor, de Carl Philipp Emanuel Bach
Concerto para Violoncelo em Si Bemol Maior, de Carl Philipp Emanuel Bach
Concerto para Violoncelo em Lá Maior, de Carl Philipp Emanuel Bach


Horários
No Theatro São Pedro, os concertos sinfônicos e as récitas das óperas acontecem sempre nos mesmos horários:
Domingos, às 17h; demais dias, às 20h.
** Exceto a récita do dia 12/11, que ocorrerá às 14h.


* Nos dias 3 e 4 de março os ingressos estarão disponíveis para retirada na bilheteria 2 horas antes do início do concerto. Limite de 4 ingressos por pessoa.


Programação sujeita a alterações